Você já se perguntou o que são debêntures? Bom, estamos falando basicamente de um título de crédito imobiliário de dívida, emitido por uma empresa privada. A empresa emite tais títulos com a intenção de arrecadar recursos para financiar o desenvolvimento de seu negócio.

Existe três tipo de debêntures

  • Simples: o investidor recebe em dinheiro ao final do tempo de resgate;
  • Conversíveis em ações: o investidor pode converter o lucro em ações da própria empresa que emitiu o título;
  • Incentivadas: o investidor pode converter em ações de outras empresas na hora do resgate (geralmente isentas do pagamento de IR).

Mas, as debêntures como funcionam?

De modo geral, estamos falando de um investimento de médio e longo prazo, como se fosse uma espécie de empréstimo para a empresa que precisa captar dinheiro para investir internamente. 

O investidor ganha através das taxas de juros. Essas taxas são fixadas pela própria empresa emissora do título e normalmente são altas, sendo uma maneira de tornar o investimento atrativo e cada vez captar mais investidores.

Assim todos saem ganhando! O investidor debenturista aplica seu dinheiro tendo uma boa rentabilidade e claro, tem seus direitos garantidos com relação aos valores investidos, pois mesmo não sendo uma aplicação garantida pela FGC, é assegurada pelos bens da própria empresa.

Para as empresas também é vantajoso, pois é mais barato pagar as debêntures do que as linhas de crédito bancários ou ir ao mercado de ações. No caso de solicitar empréstimos e financiamentos, as empresas teriam que pagar juros bem maiores do que às debêntures.

Um bom exemplo disso é o caso da Vale em 2015, onde a empresa mineradora lançou R$1 bilhão em debêntures para o financiamento do projeto de expansão da Estrada de Ferro Carajás.

Contudo, é importante lembrar que são as próprias empresas que determinam as condições de pagamento, os prazos e as regras gerais sobre as debêntures e por essa razão, é preciso ficar atento antes da realizar o investimento.

Então, agora que você já entendeu o que é debêntures e como funciona, é hora de conferir quais são as vantagens desse tipo de investimento!

Benefícios de se investir em debêntures:

Agora que você já entendeu o que significa debêntures e como esse título funciona, deve estar se perguntando sobre as vantagens, não é mesmo?

Bom, primeiramente precisamos dizer que as debêntures são uma opção de investimento bastante atrativa no sentido que serve tanto para o investidor conservador quanto o mais arrojado.

Dependendo da opção que o investidor escolher, a debênture pode fornecer mais ou menos rentabilidade e risco, garantindo assim a adaptação a diferentes perfis. 

Dentre as vantagens dessa aplicação temos: 

  • O investidor está em posição de credor:

Um dos grandes benefícios de se investir em debêntures é justamente que o investidor está em uma posição de credor. 

Quando alguém compra ações, essa pessoa por ter cotas vira uma acionista, se tornando parte da empresa.

Por mais que isso signifique aproveitar os bons resultados da empresa, o cotista se torna responsável pelas obrigações da mesma, assim como sofre as consequências dos resultados ruins. 

Já como credor, o investidor desfruta somente do retorno de sua aplicação (pagamento e quitação das debêntures), o que é bem mais confortável, concorda?

  • É um investimento de renda fixa:

Muitas pessoas têm dúvidas sobre se as debêntures é renda fixa ou variável, mas saiba que estamos falando de investimentos de renda fixa.

Debêntures é renda fixa e essa é uma característica importantíssima para garantir a remuneração da aplicação.

No caso de ações, por exemplo, não existem certezas sobre o valor investido. Se você tomar uma decisão errada, pode acabar perdendo todo o seu dinheiro.

Com as debêntures, além da maior proteção ao investimento quando comparado aos investimentos de renda variável, também há a garantia de remuneração.

Dessa forma, ao virar um credor de uma empresa — e não um acionista — o investir tem total garantia de que será remunerado pelo investimento.

  • Têm rendimento elevado:

Debêntures vale a pena na questão da rentabilidade? Sim! Com o objetivo de tonar esse investimento mais atrativo e assim conseguir captar recursos, as empresas emitem títulos com alto rendimento, geralmente, mais elevado que os investimentos de renda fixa.

Essa uma forma das debêntures conseguirem competir com o CDB ou com as letras de crédito, como o LCI, por exemplo.

Por isso, é muito comum encontrar debêntures com rendimento mais elevado do que o CDI e com juros que não se igualam aos  outros investimentos de renda fixa. 

Inclusive, essas aplicações podem ser tão ou mais vantajosas e rentáveis que alguns investimentos de renda variável. 

Assim, ao juntar rentabilidade e segurança oferecida, as debêntures se tornam opções mais atrativas e vantajosas.

  • Bastante opção de escolha:

A emissão de debêntures pode ser feitas por empresas de tamanhos diferentes, atuações e segmentos variados, criando assim uma ampla possibilidade de escolha no mercado. 

Além disso, como as empresas possuem diferentes rendimentos e projeções de mercado, a remuneração também pode ser variada e os investidores podem escolher a debênture que se adequar melhor ao seu perfil e objetivo. 

Essa é uma grande vantagem, pois outros tipos de investimentos apresentam condições relativamente fixas, o que impede que os investidores façam a melhor escolha para a sua carteira. 

Dependendo da situação da empresa, esse tipo de aplicação pode ser ainda mais atrativo e aumentar a possibilidade de escolha.

Favorece a diversificação de carteira:

Devido a ser um investimento rentável, mas bem mais seguro do que os de renda variável, as debêntures também trazem como benefício à diversificação da carteira. 

Para os investidores que acreditam que suas opções de renda fixa já atingiram o seu máximo, esse investimento pode ser uma alternativa extra para garantir ainda mais lucros.

Então, debêntures vale a pena? Compensa?

A resposta é SIM! Estamos falando de um investimento que requer baixo capital para começar e oferece alta rentabilidade. 

Além disso, as debêntures ajudam você a conquistar sua liberdade financeira, apenas emprestando dinheiro a empresas renomadas no mercado, sem os riscos de um investimento em ações, por exemplo.

E fora tudo isso, ainda é uma aplicação que permite você diversificar sua carteira de ativos e com a possibilidade da isenção de impostos (é o caso das debêntures incentivadas)!

Então, se você está em busca de um investimento de renda fixa, saiba que as debêntures podem ser a chave para seu sucesso financeiro!