A economia doméstica não é um hábito comum dos brasileiros, tanto por cultura quanto pela falta de educação financeiraAlém disso, muitos usam a desculpa de não sobrar dinheiro para poder guardar, mas essa não é uma verdade absoluta. 

Pode ser que o seu orçamento familiar esteja totalmente comprometido, pode ser que não sobre para fazer grandes investimentos, mas não podemos afirmar que não há dinheiro. 

Dinheiro se tem, o que não se tem é uma boa administração das finanças, especialmente porque não entendemos e não nos dedicamos para isso.

Mas, o fato é que é possível sim saber como fazer economia doméstica de forma simples e rápida. Como? Apenas mudando algumas atitudes simples, ou seja, fazendo pequenas mudanças de comportamento em sua rotina. 

O segredo para isso basicamente é entender como reduzir as despesas domésticas, que consomem boa parte de nosso ganho mensal, concorda?

Então, para que você dê uma sobrevida ao seu suado dinheiro, preparamos este guia com 15 dicas de economia doméstica para aplicar ainda hoje! Vamos lá?!

Índice de conteúdo:

Economia doméstica no supermercado
Economia doméstica em casa

Economia doméstica no supermercado

A alimentação é um dos gastos que mais compromete o orçamento de uma família e ao contrário do que muitos pensam, pode-se economizar e muito aqui. 

Pensando nisso, separamos três dicas de economia doméstica no supermercado, para que você compre mais gastando menos! 

1- Faça a lista antes de sair de casa

Pense em quantas ocasiões você foi ao mercado e depois voltou com a sensação de que gastou muito e não comprou nada… 

Esse é um sentimento comum de quem não sabe o que precisa comprar de fato e, na maioria dos casos, acaba gastando com coisas sem necessidade, em excesso. 

Por isso, para economizar na sua ida ao mercado, antes de sair de casa monte uma lista, mencionando apenas aquilo que está lhe faltando e cumpra ela, sem distrações.

2- Aproveite promoções e compare preços

Se a sua dúvida era sobre a economia doméstica como fazer, uma boa dica é começar a comparar preços e isso inclui o supermercado. 

Em geral, você deve ficar atento aos preços de mercado e nunca priorizar somente a marca do produto/alimento em si.

Contudo, lembre-se que o barato sai caro, ou seja, de nada adianta comprar algo mais barato para economizar e acabar gastando mais no final das contas.

Além disso, fique atento para não ser enganado nas “promoções especiais”, pois muitas lojas colocam como ofertas para chamar a atenção do consumidor e no dia seguinte o valor é menor ainda. 

3- Faça sua compra em lugares baratos

Se deseja saber como economizar, é essencial entender que a escolha dos locais que compra influencia diretamente em seu orçamento. 

Muitas pessoas preferem ir ao mercado ao lado de casa, pois é mais perto e se economiza em tempo e deslocamento, mas e quanto aos preços, realmente vale a pena?

Por isso, pense se não é melhor para seu orçamento ir uma vez na semana em um supermercado no dia da promoção, do que comprar aos pouquinhos no mercado do lado.

Geralmente, há uma boa diferença nos valores gastos quando você começa a comprar em locais mais em conta. 

Além do mais, se programe para ir uma vez à semana ou a cada 15 dias para fazer suas compras e se houver promoções realmente interessantes, aproveite e compre um pouco a mais. 

Economia doméstica em casa

Em casa também é possível economizar e para lhe provar isso, separamos algumas dicas de economia doméstica para o dia-a-dia. Confira!

1- Faça suas compras para datas comemorativas antes ou após as datas

A falta de planejamento é um péssimo hábito e nos leva a cometer uma série de erros, que na soma total nos causam prejuízos financeiros. 

Um bom exemplo disso é deixar as compras de datas comemorativas para cima da hora, onde além de pagar mais caro, muitas vezes gastamos com algo que nem era o que queríamos.

Sendo assim, não a data chegar pra começar a se programar e comprar, especialmente porque quanto mais perto, mais caros ficarão os preços. 

A dica é se planejar com antecedência, seja comprando antes ou depois, que é uma ótima oportunidade, visto que muitas lojas fazem liquidações e queima de estoque.

2- Substitua as lâmpadas antigas

Uma ótima dica para economizar em casa é trocar todas as lâmpadas antigas (aquelas incandescentes) pelas novas (fluorescentes). 

Embora o preço do produto seja mais caro, em longo prazo esse investimento se paga, pois além de durarem mais tempo, ainda podem gerar uma economia de até 75% na conta de luz.

3- Substitua os aparelhos antigos

Muitas pessoas não sabem, mas os eletrodomésticos mais antigos, tais ar- condicionado, aquecedores e geladeiras, acabam por gastar mais energia que modelos atuais.

Pensando nisso, uma das formas de como economizar é se programando financeiramente para trocá-los por modelos mais modernos. 

Nesse sentido, a indicação é adquirir eletrônicos com o selo de economia de e energia Procel.

4- Desligue as luzes ao sair do cômodo

Como fazer economia doméstica? Não são necessária grandes mudanças, apenas ficar atento aos detalhes. 

Um bom exemplo disso é evitando os desperdícios diários, como passar a ter o hábito de desligar a luz ao sair de um determinado cômodo.

Assim, desligar os aparelhos da tomada após o uso é válido tanto para economizar (reduz sua conta de energia), quanto para meio ambiente (consumo sustentável).

5- Feche as torneiras

Desligar a torneira do banheiro enquanto escova os dentes ou até mesmo a da pia da cozinha enquanto lava a louça é mais um hábito sustentável e favorece seu bolso. 

Outra dica é trocar aquela torneira que está pingando e se der para consertar melhor ainda, pois, normalmente, é só fazer a troca da bucha, que é barata! 

6- Seja o Marido de Aluguel

Às vezes acontecem imprevistos em casa e achamos que não podemos resolver, contratando assim alguém para realizar tal serviço. 

Contudo, saber como fazer pequenos reparos, como trocar o chuveiro, tomada e torneira ou consertar a descarga pode ser ótimo para seu orçamento. 

Caso não entenda nada sobre isso, a internet lhe ajuda, afinal, existem tutoriais que ensinam a fazer praticamente qualquer manutenção doméstica, basta pesquisar.

7- Cancele assinaturas desnecessárias

Sabe aquela pilha de revistas e jornais que está aí na sua casa só, sem você sequer folhear? 

Ou aquela assinatura da Netflix, que você chega tão cansado(a) em casa que nem tem tempo para assistir?

Bom, se esse é o seu caso, então é o momento de cancelar tais assinaturas e dar um melhor destino para esse dinheiro que está sendo mal investido!

8- Cancele renovações automáticas

Caso você assine uma revista e não quer cancelar a assinatura, o ideal é nunca fazer a renovação automática e isso vale para outros produtos também.

Isso porque quando a assinatura vencer, a empresa, provavelmente, irá entrar em contato com você para negociar a renovação. 

Assim, esse será o momento de você pedir um desconto ou até mesmo conseguir a assinatura por um certo prazo sem pagar nada. 

9- Reduza planos de TV/Internet

Reavalie com cautela suas faturas de telefone, internet e TV por assinatura e veja se você não pode poupar com elas.

Pense se você faz uso mesmo de todos os minutos que contratou em seu plano de telefonia, se realmente assiste a todos os canais a cabo ou se necessita da velocidade mais rápida na internet.

Caso responda que não, é a hora de mudar para um plano mais básico ou quem sabe cancelar esses serviços.

10- Organize a lavagem de roupas

Na maioria dos casos, a sua máquina de lavar roupas pode gastar a mesma quantidade de energia para lavar uma camiseta quanto para vinte peças. 

Por isso, uma das nossas dicas de economia doméstica é ligar sua lavadora apenas quando tiver uma boa quantidade de roupas para lavar, colocando tudo junto de uma única vez.

11- Organize a faxina da casa

Para ter uma empregada doméstica hoje em dia, os custos podem ser bem elevados e isso também vale para as diaristas fixas. 

Por esse motivo, uma estratégia de como economizar é conversar com sua família se esse tipo gasto é realmente preciso.

Talvez seja mais interessante e importante no momento dividir as tarefas da casa entre todos e poupar o dinheiro. 

Essa economia pode ser utilizada para fazer aquela tão viagem de férias tão sonhada ou até mesmo para quitar dívidas pendentes.

12- Troque/venda o que não usa mais

Todos temos coisas em casa que não usamos mais e estão apenas ocupando espaço, certo? 

Pensando nisso, para economizar e ainda saber como conseguir juntar dinheiro, uma boa alternativa é trocar ou vender os itens que estão ociosos. 

Estamos falando de DVDs, livros e games que estão parados no armário e podem ser trocados por outros itens de seu interesse. 

Para isso, há diversos sites de trocas online, é só fazer seu cadastro, anunciar e avaliar as possibilidades. Assim, você terá entretenimento sem gastar a mais por isso.

Já com relação à venda, há brechó, sebos e outras lojas do tipo que você pode vender itens que não usa mais. 

Isso vale também para equipamentos eletrônicos eletrodomésticos, no qual você pode procurar lojas de usados e assim vender o que está só ocupando espaço aí na sua casa.

Portanto, agora você já sabe como fazer uma economia doméstica, certo? Então, é só começar!

Com essas pequenas mudanças você irá poupar diariamente e embora pareçam dicas simples, no somatório final fazem uma grande diferença!