O extrato bancário é um comprovante financeiro fundamental na nossa vida, inclusive, é uma das formas mais fáceis e rápidas de comprovar renda ao solicitar um cartão de crédito, empréstimo ou crediário junto a empresas.

Mas, além disso, o extrato da conta do banco pode ser um excelente aliado para controlar suas finanças, visto que por meio dele você consegue saber todo o dinheiro que recebeu e o que saiu da sua conta durante o mês.

Porém, como nem tudo é perfeito, a grande maioria dos consumidores não consegue entender aquele monte de informação e códigos que vem no extrato bancário.

Então, se você faz parte desse time, saiba que veio ao lugar certo, pois neste guia vamos te ajudar a decifrar o seu extrato da conta, entendendo o que é e para o que serve cada sigla dessas! Vamos conferir?!

O que é extrato bancário?

Extrato é o documento que mostra todas as nossas informações bancárias em determinada instituição financeira, no qual reúne dados como o saldo em conta e as movimentações em dinheiro feitas na conta durante o mês.

Há duas formas básicas de você ter acesso ao seu extrato bancário: imprimindo ou olhando no formato digital. Isso você pode fazer via aplicativo do banco ou caixa eletrônico.

Assim, ao tirar um extrato bancário da sua conta, você consegue saber quais foram os seus ganhos e gastos ao longo do mês, isto é, sabe exatamente qual a sua situação financeira.

Tipos de extratos bancários

Atualmente, existem três tipos de extrato da conta em banco, sendo eles:

  • Comum: aquele que você consegue analisar um período específico da sua conta, como, por exemplo, o extrato bancário de dois meses atrás
  • Mensal Consolidado: trata-se do extrato impresso, que é enviado pelo seu banco, como o que é retirado nos caixas eletrônicos
  • Anual Consolidado: é aquele que deve ser enviado todos os anos para você e não pode ser cobrada nenhuma taxa para a emissão

Como consultar o extrato bancário?

Se você tem conta em banco, como conta salário, corrente ou poupança, é importante consultá-la periodicamente e para isso, nada melhor do que os extratos.

Na prática, existem várias maneiras de consultar o seu extrato do banco. Confira a seguir as principais:

  • Online: veja seu extrato bancário através do site ou aplicativo do seu banco, no qual, geralmente, é uma das primeiras informações a aparecer, ou seja, é só clicar e conferir
  • Telefone: sim, dá para consultar extrato bancário pelo telefone, basta ligar para a central de atendimento do seu banco e seguir as orientações
  • Presencial: talvez a forma mais usual de consultar o extrato bancário entre os brasileiros, que é basicamente a impressão do papel no caixa eletrônico do seu banco, basta acessar sua conta e clicar em imprimir extrato
  • Correspondência: outra opção e que poucas pessoas conhecem é que você pode pedir ao banco que envie todos os meses o extrato da sua conta para o seu endereço

Entendendo as siglas do extrato bancário

Decifrar um extrato bancário pode não ser uma tarefa fácil, pois aquele monte de informação parece mais uma “sopa de letrinhas”, não é mesmo?

São vários códigos, siglas e valores e para nós leigos, entender tudo isso é uma verdadeira missão quase impossível.

Mas, fique calmo(a), pois nós estamos aqui para te ajudar! Confira a seguir quais são as principais informações do extrato que você precisa conhecer!

Datas do extrato bancário

Informa o período de tempo dos lançamentos em sua conta, detalhando o dia e hora que determinada transação foi feita em sua conta, como uma transferência, PIX, pagamento de boleto, depósito em dinheiro, enfim.

Saldo

A representação C ou (+) indica crédito, isto é, valores que entraram em sua conta, enquanto que D ou (-) indica débito, isto é, dinheiro que saiu da sua conta.

Tipo de conta

Pouca gente sabe, mas essas representações nos dizem qual é o tipo da nossa conta. C/C significa Conta Corrente, enquanto que C/I quer dizer conta investimento, como é o caso da conta poupança.

Siglas de transferência

TED e DOC a maioria de nós conhece, nas quais significam a transferência eletrônica de dinheiro entre diferentes bancos/instituições, mas as siglas TB e TBI não são muito faladas. TB significa Transferência Bancária e TBI é a transferência feita via internet.

Depósitos

A representação Dep. Ch. nos diz sobre depósito em cheque na nossa conta e Dep. Dinh. informa sobre os depósitos feitos em dinheiro em espécie.

Pagamentos

No extrato bancário, os pagamentos de contas e boletos são representados pelos seguintes códigos: PAG, PGTO, PAGTO ou PG COBRANÇA. Quando o pagamento é feito automático via saldo em conta, a sigla é DA, que significa Débito Automático.

Tarifas

Dependendo do seu tipo de conta e do banco, muitas taxas e tarifas podem ser cobradas (bancos digitais valem mais a pena hoje em dia). Geralmente, as taxas aparecem no seu extrato bancário pelas seguintes siglas:

  • IOF: conhecido como Imposto sobre Operações Financeiras
  • TAR ou TRF: Tarifa Mensal de Serviço, no qual representa a tarifa de manutenção da conta de acordo com seu pacote de serviços (conta poupança não tem custo de manutenção)
  • ENC: Código que informa que a tarifa foi lançada como encargo
  • CCF: A sigla representa Cadastro de Emitentes de Cheques Sem Fundo e representa o armazenamento de informações sobre o emitente de cheque sem fundo

Conclusão

Portanto, descomplicamos a sua forma de entender o extrato bancário da conta? Embora seja bastante sigla, você não precisa memorizar todas elas, ter conhecimento, pois caso tenha alguma dúvida, já sabe o que fazer!