Os investimentos em renda fixa não  têm sido muito bem vistos no mercado ultimamente, levando em consideração a queda histórica na taxa básica de juros (Taxa Selic)… Entretanto, nem tudo está perdido e para provar que ainda é possível ter bons rendimentos sem correr riscos vamos falar mais sobre as letras de crédito LCI e LCA.

As letras de crédito têm sido cada vez mais procuradas pelos investidores brasileiros, principalmente como uma alternativa a famosa caderneta de poupança, pois rende cerca de 35% mais. 

Se você ainda não ouviu falar ou tem dúvidas sobre o que é LCI e LCA, saiba que estamos falando de um tipo de investimento muito favorecido em momentos de crise financeira (a renda fixa está rendendo pouco atualmente). O motivo para isso é simples: o setor imobiliário e do agronegócio é um dos últimos a serem afetados e com isso, sua aplicação continua em alta, devido à lei da procura e oferta.

Mas, além disso, trata-se de um investimento fácil, acessível, seguro e que oferece inúmeras vantagens ao pequeno e médio investidor, sendo possível começar com pouco dinheiro e sem experiência alguma no mercado financeiro.

Por isso, saiba que LCI e LCA são bons investimentos e sendo assim, você precisa aprender como começar a investir neles, especialmente se deseja criar uma reserva financeira sólida e rentável! Só que antes, é necessário entender melhor como funcionam, quais os benefícios, a rentabilidade, enfim. Mas, não se preocupe, pois preparamos este guia completo sobre o assunto para você! Boa leitura!

Índice de conteúdo:

Afinal, LCI e LCA o que é?
Entendendo como funciona LCI e LCA
Calculando o rendimento desse tipo de investimento 
Vantagens que tornam as letras de crédito imperdíveis
Conclusão

Afinal, LCI e LCA o que é?

Se você ainda não sabe o que é LCI e LCA, tenha em mente que estamos falando de um tipo de investimento em renda fixa, ou seja, desde o momento da aplicação você já sabe o quanto de juros seu dinheiro irá render até a data de vencimento ou o índice que será utilizado para o rendimento.

Basicamente, a Letra de Crédito Imobiliário (LCI) e a Letra de Crédito do Agronegócio (LCA) são títulos privados emitidos por bancos, que rendem juros a você investidor. Na prática, podemos dizer que se trata de papéis de dívidas, no qual os bancos emitem com a intenção de arrecadar recursos financeiros para realizar empréstimos, para financiar atividades imobiliárias e agrícolas. 

Mas, qual a diferença entre LCI e LCA? Bom, a principal diferença é quanto ao ramo de aplicação.

No LCI você está investindo em títulos imobiliários, enquanto que no LCA está aplicando seu dinheiro no setor do agronegócio.

Entendendo como funciona LCI e LCA

Agora que você já sabe sobre o que estamos falando, é hora de entender como é investir em LCI e LCA.

O funcionamento é mais simples do que você imagina:

  1. Você empresta dinheiro para uma instituição financeira (um banco, uma corretora ou distribuidora de títulos, por exemplo);
  2. A instituição usa seu dinheiro para financiar projetos agrícolas ou imobiliários;
  3. Após o prazo de aplicação (no mínimo 90 meses), o banco lhe devolve o dinheiro emprestado acrescido de juros, referentes ao período que você investiu.

Fácil, não é mesmo? E o melhor é que LCI e LCA hoje são uma das opções de investimento em renda fixa de maior custo-benefício.

Calculando o rendimento desse tipo de investimento 

Para entender sobre o LCI e LCA rendimento é preciso primeiramente compreender que estamos falando de dois tipos de investimentos de curto prazo e que são isentos de Imposto de Renda.

Só isso já permite uma infinidade de oportunidades e que dão ao investidor duas opções: saber na hora da compra quanto seu dinheiro vai render ou optar por acompanhar as taxas de juros do mercado.

Assim, podemos investir em LCI e LCA através de duas formas:

  • Títulos pré-fixados:

São as letras de crédito que pagam juros atrelados a uma taxa fixada no momento da compra do título. 

Essa opção é atraente se você acreditar que a variação do índice atrelado aos pós-fixados (na maior parte dos casos é a taxa DI) vai cair.

  • Títulos pós-fixados:

São os títulos de crédito que pagam juros atrelados á variação de alguma taxa, normalmente a taxa DI, mas pode ser pelo IPCA também.

É mais indicado se você acredita que a variação do índice atrelado vai subir.

Para os investidores iniciantes, a taxa DI é calculada pela B3 (principal bolsa de valores do Brasil).

Essa taxa é calculada com base na média dos juros usados em operações de empréstimos realizados entre bancos, conhecidas como CDI (Certificado de Depósito Interbancário).

Via regra geral, a taxa DI segue um valor muito próximo a Selic. Atualmente, a taxa DI está em 1,90% ao ano.

Com relação ao valor mínimo para investir em LCI e LCA, esse pode variar bastante conforme a instituição que você for aplicar seu dinheiro.

Geralmente, os grandes bancos costumam exigir um investimento inicial de, no mínimo, R$1.000,00.

Mas, afinal, quanto rende LCI e LCA hoje? Bom, os rendimentos variam conforme as taxas de juros atreladas ao investimento (pré ou pós-fixadas).

Por exemplo, em um título pré-fixado, no qual você investe R$25.000,00 em um período de um ano, com uma taxa de juros de 9,9% a.a. Ao final do prazo de resgate, você terá na sua conta aproximadamente R$27.475,00.

Já no caso de um título LCI ou LCA pós-fixado, normalmente, temos uma rentabilidade acima de 90% do CDI, mas o valor exato dependerá do preço do CDI no mercado.

Vantagens que tornam as letras de crédito imperdíveis

Então, agora que você já sabe o que é LCI e LCA e como funcionam, que tal conferir mais sobre as vantagens desse investimento?

Bom, vamos começar pelo principal benefício: LCI e LCA tem garantia do FGC (Fundo Garantidor de Credito)! Isso significa que é um investimento seguro.

Assim, caso a instituição financeira não consiga pagar o dinheiro que você emprestou, o FGC lhe devolve a quantia investida, no máximo até R$250 mil.

A segunda grande vantagem é que LCI e LCA são isentos de IR. Dessa forma, se você investiu como pessoa física, não precisará pagar imposto de renda sobre os rendimentos ganhos.

A terceira vantagem que torna esses investimentos maravilhosos é a possibilidade de liquidez diária. 

A maioria dos títulos LCI e LCA emitidos permitem que você saque o dinheiro investido quando desejar, sem ter que pagar taxas por isso.

Mas, é importante lembrar que a liquidez diária só vale após o período de carência, que costuma ser de 90 dias.

E por fim, podemos fechar a lista de vantagens dizendo que LCI e LCA são bons investimentos, que rendem mais que a poupança e são igualmente seguros. 

Conclusão

Portanto, uma das suas melhores opções em renda fixa atualmente são as letras de crédito imobiliário e do agronegócio.

As LCA’s e LCI’s são ótimos investimentos para quem está buscando boa rentabilidade, garantias, pouco risco e isenção de impostos.

Sendo assim, seja para criar uma reserva de emergência ou começar a se arriscar no mundo dos investimentos, pense melhor sobre esse tipo de aplicação!